segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Governo prevê volta de voo internacional entre Cuiabá e Bolívia até abril de 2016


Taques prevê volta de voo internacional entre Cuiabá e Bolívia até abril de 2016O voo internacional, operado pela AmasZonas Lineas Aéreas, que liga Cuiabá a Santa Cruz de La Sierra (Bolívia), deverá voltar a ser operado até abril do ano que vem. A data foi estipulada pelo governador Pedro Taques (PSDB), na quinta-feira (01), durante o lançamento da Feira Internacional do Turismo do Pantanal, que será realizada entre os dias 20 e 24 de abril de 2016. A expectativa é que até o evento, a rota volte a ser operada no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, localizado em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá).
De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), o governador não tem medido esforços junto aos órgãos como Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) e Receita Federal para viabilizar a retomada das obras de ampliação e reforma do terminal, o que viabilizaria o retorno do voo entre as duas cidades.
“Neste momento de crise é a indústria do turismo que vai movimentar a economia e vai gerar emprego e renda para o Estado”, disse Taques. Ele ainda acrescentou que: “Nós estamos pensando em desenvolvimento e este evento prova isso. Estamos buscando soluções para sair da crise porque sabemos da importância do turismo para movimentar nossas riquezas”.
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Seneri Paludo, citou algumas ações da pasta para desenvolver o setor e transformá-lo em um dos principais pilares do desenvolvimento econômico, a exemplo do agronegócio. “Em nove meses conseguimos emplacar 12 obras de infraestrutura turística, já realizamos um fampress que destacou as belezas do Estado nos principais jornais do país e estamos trabalhando em um projeto de qualificação da mão-de-obra em parceria com o Sebrae em vários municípios”.
Vale ressaltar que, recentemente, o presidente da AmasZonas Lineas Aereas, Sérgio de Urioste, demonstrou a vontade de voltar a operar a rota entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra: “Iniciamos o voo para Cuiabá, mas por problemas com o aeroporto que ainda não estava apto com suas construções, tivemos que interrompê-los, porém vamos reinaugura-los. Estamos esperando que o aeroporto esteja pronto para voltar a operar com voos internacionais”.



 
Cuiabá-Bolívia
O voo entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra (Bolívia) começou a ser operado em junho de 2014, dias antes da Copa do Mundo. Com viagens três vezes por semana, a ocupação era de aproximadamente 80%. Havia a intenção de tornar as viagens diárias por conta dos bons números apresentados.
Vale lembrar ainda que Santa Cruz dispõe de conexão para os países andinos, América do Sul e outros. Partindo da Bolívia, um voo para Miami nos Estados Unidos, por exemplo, tem o seu tempo reduzido em quatro horas: “Trata-se de um voo de uma hora e quinze minutos para chegar ao mundo”, explica o presidente.
A companhia dispõe de oito aviões Bombardier CRJ-200 com capacidade para 50 passageiros cada. Até o fim do ano, a expectativa é de comprar sete novas aeronaves do mesmo modelo. No ano passado, foram mais de 600 mil passageiros transportados e a previsão é que em 2015 a companhia chegue a 1 milhão.  (do Olhar Direto)

Fonte: Cenário MT

0 comentários: