terça-feira, 26 de novembro de 2013

A modernização

A modernização do Aeroporto Municipal Maestro Marinho Franco pode ser um ponto positivo para a população de Rondonópolis desde que atraia novas empresas aéreas com interesse de operar novas linhas. Hoje, com apenas uma empresa operando, as linhas são reduzidas e não atendem os anseios da população rondonopolitana e da região.
O Aeroporto Municipal está passando por obras de ampliação da pista de pousos e decolagens e de construção de uma pista de taxiway, além de estar incluído no Plano de Modernização de Aeroportos do Governo Federal para a realização da modernização do terminal de passageiros.
A expectativa do poder público é que com as obras, o aeroporto possa atrair novas empresas para operar novas linhas, e servir ainda como alternativa para o Aeroporto Internacional de Cuiabá.
As perspectivas são boas, tanto que o município prevê que o número de passageiros por ano, que passam pelo Aeroporto Municipal, dobre em até 18 meses, o que poderia atrair novas empresas para operarem linhas diferentes.
Se as previsões se confirmarem, a cidade contará com um aeroporto moderno, que receberá todo tipo de aeronave que faz voos domésticos no país, e terá mais alternativas de linhas para a população, como, por exemplos, de Rondonópolis para Brasília, e para Campo Grande (MS), que há muito vêm sendo cobradas.
Além disso, a concorrência entre mais de uma empresa operando na cidade poderá ser um fator positivo para a diminuição dos preços das passagens aéreas com origem na cidade para as diversas localidades do país, principalmente São Paulo e Cuiabá, as duas capitais mais requisitadas pelos rondonopolitanos.

0 comentários: